quarta-feira, 29 de abril de 2009

História: CBT - Companhia Brasileira de Tratores

- Trecho de artigo escrito por Xico Graziano, secretário do Meio Ambiente do Estado de São Paulo, retirado do site Planeta Sustentável onde ao falar sobre o agronegócio brasileiro cita um trecho sobre a CBT - Companhia Brasileira de Tratores:

"Pode-se destacar um símbolo inicial da história, tardia, do agronegócio brasileiro: somente em 1959 nasce, no interior paulista, o trator da CBT, a Companhia Brasileira de Tratores. A tecnologia nacional ajuda a abrir as fronteiras da agropecuária, imperando por cerca de 20 anos. Mas já na década de 1980 as grandes multinacionais passam a dominar o mercado de máquinas agrícolas. A CBT abre falência."

- A história dos tratores CBT é longa. No Brasil, começaram a ser vendidos como tratores Oliver, os quais eram montados no Brasil pela então "futura" CBT - Companhia Brasileira de Tratores. Aos poucos, começam a surgir os tratores Oliver - CBT, montados aqui, já com bastante peças fabricadas no Brasil ou pela própria CBT.





- Anos depois os tratores passam a se chamar somente CBT, e prevalecem no mercado até o final dos anos 80 e início dos anos 90. Infelizmente a política nacional não conseguiu manter um produto de boa qualidade fabricado aqui mesmo, prova disso é a resistência dos CBT´s até hoje fazendo com que possamos ver os tratores da marca trabalhando por todo Brasil!



- Imagens: Acervo particular.

terça-feira, 28 de abril de 2009

Museu Histórico do Grupo Same

- Fica aqui a dica para quem deseja conhecer o "Museo Storico Gruppo Same" do grupo Same-Deutz-Fahr, localizado em Treviglio (BG) na Itália. O museu reúne os tratores fabricados ao longo dos anos pelas marcas que hoje formam o grupo.

- No site do museu http://www.samedeutz-fahr.com/museo/uk/index.htm é possível conferir todo o acervo modelo por modelo! Modelos raríssimos de tratores como o primeiro Same a Diesel (modelo Da-25 de 1952), e os tratores da Lamborghini, podem ser conferidos um a um. Um site muito interessante!


Trator Lamborghini DL 25 de 1955 pertencente ao acervo do museu.




segunda-feira, 27 de abril de 2009

Parque Histório de Carambeí - Museu do Trator

- Visitando o blog NMC - Núcleo de Mídia e Conhecimento de Curitiba - http://foconarrativo.blogspot.com/ passei a ter conhecimento da cidade de Carambeí-PR, próxima a Ponta Grossa, e distante 130 kms da capital Curitiba.

- Em Carambeí está localizado o Parque Histórico que preserva toda a história e cultura da colonização holandesa da cidade. O parque faz parte de um projeto que visa a comemoração do centenário da imigração holandesa, e por nossa sorte está incluso nesse projeto o Museu do Trator que conta com 20 exemplares, e diversos implementos também, como pode ser conferido nas fotos abaixo e no álbum do Blog: http://picasaweb.google.com/nucleodemidiaeconhecimento

- O Paraná foi um estado com forte presença de tratores na lavoura nas décadas passadas, fato favorável para a criação do museu. Felizmente mais um lugar que preserva os velhos guerreiros que desbravaram o chão brasileiro.


- No acervo, exemplares das marcas: Massey Harris, John Deere, Allis Chalmers, Ford, Zetor, Hanomag, Cockshutt, Farmall, Ferguson, David Brown, entre outros diversos implementos...



- Trator John Deere, acervo do Museu do Trator de Carambeí.

domingo, 19 de abril de 2009

História: Tratores Malves

- Aproveitando o gosto por tratores e conversando com um amigo, passei a dar atenção aos tratores Malves. Segundo ele, Malves vem de Manoel Alves, provavelmente criador da marca e o responsável pela empresa que produziu tanto tratores de esteira como tratores de roda, como podem ver nas fotos.

- Irei pesquiser mais a respeito da história da Malves, e atualizarei aqui em breve. Fica então a foto dos tratores, e uma notícia do ano de 1973, que retirei do site "Tablóide Digital" http://www.millarch.org/, a respeito da primeira exportação de tratores feita pelo nosso país! E é claro, foram tratores Malves!

"Artigo de Aramis Millarch originalmente publicado em 24 de março de 1973
O Brasil acaba de efetuar sua maior exportação de tratores de esteira - um MD 1.800 e quatro MD 850 E - marcando uma nova etapa do desenvolvimento da indústria de tratores. A exportação, com destino ao Panamá, realizada pela Malves S.A . Comércio e Indústria de Máquinas, com sede em São Paulo, constitui o marco inicial para o incremento do item tratores na pauta brasileira de exportações. Juntamente com os cinco tratores de esteira foram embarcados para o mesmo pais outras 15 máquinas, sendo sete rastras de disco 20x24 no valor global de 430 mil dólares."

- Continuando a busca, achei mais uma notícia interessante, que retirei do fórum da "Base Militar Web Magazine" http://www.alide.com.br/, onde o autor do texto cita:

"As frotas de tratores de alguns paises como Argelia, Marrocos, Senegal, Nigeria, se formaram basicamente por tratores CBT e Malves (marcas brasileiras, de capital brasileiro). As colheitadeiras de milho eram Cemag (uma fabrica cearense). A pavimentação de ruas e estradas na Mauritania, na Nigeria, na Tunisia, no Senegal, etc, era tocada com rolos compressores, tratores, carregadeiras, marca Muller (uma fabrica carioca, de capital totalmente nacional)."








- Equipado com motor Mercedes, e dotado de tração 4x4, esse monstro com nome de Malves MD 920 P devia ser pedra no sapato da concorrência na época. Bem, pelo nome de chamada da propaganda já se tem uma idéia do que o trator propunha.


- Foto: Acervo Particular. Retirado de uma revista de agricultura dos anos 60.

- ATUALIZAÇÃO - 22/11/2010 - A história completa da empresa Malves pode ser lida aqui: http://equipamentospesados.blogspot.com/2010/11/malves-gente-nunca-esquece.html - escrita pelo Edson do blog Máquinas e Equipamentos Pesados.

sexta-feira, 17 de abril de 2009

Fotos Antigas: Álbum de fotos do Tractor Test Museum

- Mais um achado muito interessante na internet. O álbum de fotos do Tractor Test Museum - http://picasaweb.google.com/TractorTestMuseum . No álbum encontramos fotos de tratores atuais e até dos testes aplicados nos tratores antigamente!



quarta-feira, 15 de abril de 2009

Catálogos Antigos

- Recentemente encontrei o site: PUDDINGS WORLD - www.puddingsworld.com . Na realidade, já havia visitado o mesmo tempos atrás, e encontrei o catálogo do  trator CBT 2105. Mas agora o pessoal do site atualizou a página com muitos catálogos de diversas marcas de tratores como Fiat, Deutz, e mais algumas outras desconhecidas por aqui. Vale a pena visitar.


terça-feira, 14 de abril de 2009

Relíquias do Brasil

- O Brasil iniciou tarde sua mecanização agrícola. Enquanto outros países eram pioneiros na produção de máquinas para a agricultura, o Brasil ainda as importava, sendo o crescimento de nossa agricultura dependente da mecanização estrangeira. Hoje isso se tornou algo positivo, visto que em solo brasileiro se encontram tratores antigos das mais variadas nacionalidades. Desde os símbolos americanos como John Deere, Farmall, Case, até os tratores que marcaram a europa como os Lanz Bulldog, Deutz, Hanomag, Ferguson, etc.

- Mas dentre essa tratorzada toda que foi importada a décadas atrás existem alguns modelos muito mais raros cuja importação não deve ter passado de poucas dezenas de unidades.

- Um questão importante de se levar em conta é o fato de alguns desses raros exemplares abaixo possivelmente não terem sidos importados pelo Brasil, ou seja, entraram no país pela fronteira geralmente com Argentina que importava também muitos tratores.

- Alguns modelos raros e curiosos encontrados pelo Brasil:

** Ritscher.



** Trator-caminhão militar PAVESI P5.

** Same Universale.



** Howard.

** Orenstein & Koppel. 

** Holder.

** Steyr.


** Loyd 




** LE ROI - Ao que tudo indica a empresa fabricava motores estacionários e compressores de ar, e acabou se aventurando na produção de tratores. Tudo começou com a empresa americana Central Tractor Company of Greenwich que começou a montar tratores equipados com motores Le Roi. Alguns destes tratores eram equipados com compressores de ar voltados para serviços industriais. Infelizmente a empresa se afundou em dívidas e foi onde a Le Roi passou a asusmir a produção dos tratores. Em 1954 a Le Roi é comprada pela WABCO (Westinghouse Air Brake Company) e em 1960 é produzido o Le Roi Tractair 125.



** FNA - MICRON - Este pequenino trator de esteiras é de procedência italiana. Sua marca é FNA - (Fabbrica nazionale d'armi) ou Fábrica Nacional de Armas, e seu modelo é chamado de MICRON. Possui motor de um cilindro a gasolina refrigerado a ar. Este modelo da foto pertence ao museu de tratores Agromen, e tem escrito como nome Brescia, o que está errado. Brescia é a cidade onde este trator era produzido.